Dicas e possibilidades de se tornar um médico empreendedor

- A carreira empreendedora na área da saúde está em alta e você pode, sim, ser médico e empreender. Saiba mais aqui!

JÁ PENSOU QUE VOCÊ NÃO PRECISA DEIXAR O SEU SONHO DA CARREIRA MÉDICA PARA EMPREENDER?!

 

Se, por um lado, o atendimento clínico, a realização de procedimentos e o contato com os pacientes são prioridades quando se fala no trabalho de um médico, as várias alternativas de como e onde realizar essas tarefas para exercer a profissão também devem ser estudadas.

 

A gente já sabe que o mercado empreendedor está super em alta, mas vamos aos dados:

 

Expectativa de vida:

Brasileiros nascidos em 2020 viverão, em média 76,7 anos, enquanto aqueles que nasceram em 2000 tem um índice de longevidade bem menor (69,8 anos). Assim, se considerarmos uma população cada vez mais longeva e consequentemente maior ao longo dos anos, podemos imaginar um mercado em ascensão para os médicos. 

Fica a dica para algumas especialidades como Geriatria, que acompanha os pacientes da terceira idade, e Ortopedia, que atua na prevenção e tratamento de doenças que afetam tendões, ligamentos, músculos, articulações e ossos, por exemplo.  

 

Financeiro: 

O mercado de empreendimentos e franquias é um dos que mais cresceram em nosso país, sendo 25% da população adulta envolvida em aberturas de um novo negócio. Além disso, o número de beneficiários de planos de saúde médico-hospitalares em todo o Brasil totalizou 47.036.166 em setembro de 2020, o que demonstra uma grande oportunidade para os médicos que investem em consultórios e clínicas particulares.

 

Foco na saúde: 

Com a pandemia, a busca por um acompanhamento médico mais próximo tende a aumentar cada vez mais. A população está mais preocupada com a manutenção da sua saúde e bem estar fazendo com que as consultas de emergência sejam, muitas vezes, evitadas ou substituídas por visitas regulares aos consultórios médicos.

Atenção, aqui, para o pessoal que atua nas áreas de endocrinologia, clínica médica e oftalmologia!  

 

Criação de vínculo: 

As pessoas estão cada vez mais suscetíveis a confiar em outras pessoas. Assim como podemos ver nas redes sociais, a influência e a lealdade da população está muito focada na pessoalidade, o que torna possível uma criação maior de vínculo entre o médico e o paciente pautado em um atendimento personalizado e exclusivo. 

A área de ginecologia e obstetrícia, assim como a de psiquiatria e dermatologia, são muito propícias a esse maior relacionamento, uma vez que esses médicos costumam acompanhar o paciente durante toda a sua vida. 

 

Com esses dados em mente, você já pensou na possibilidade de ter o seu próprio empreendimento na área da medicina? Essas são algumas possibilidades:

 

Agora, com a certeza de que trabalhar em grandes hospitais não precisa ser a sua única opção depois de graduado, vale lembrar que atuar como um empreendedor vai além de criar as estratégias de um novo negócio, mas envolve também o planejamento, estruturação, conhecimento financeiro e muita força de vontade para fazer acontecer. 

Então, vamos a algumas dicas práticas de como ser um bom médico empreendedor:

 

INVESTIR EM UMA BOA ANÁLISE DE MERCADO

Você precisa conhecer o seu público e os seus concorrentes para se posicionar da melhor forma possível no mercado. Assim, você pode encontrar formas de se diferenciar e posicionar que te façam se destacar.

 

INOVAR, SEMPRE!

Tudo muda o tempo todo, então você precisa acompanhar! Esteja sempre ligado nas novidades e pense em como adaptá-las ao seu negócio na área da saúde. 

 

DIVULGAR O SEU TRABALHO

O que não falta é plataforma e possibilidades de se ter um bom marketing atualmente. Estabeleça a sua marca nas redes sociais e gere ainda mais valor para seus pacientes. Só não se esqueça de ficar de olho nas regulamentações do CFM.

 

ESTABELECER PARCERIAS DE SUCESSO

Bons relacionamentos geram boas oportunidades! Ter uma rede de parceiros aliada pode ser a chave para um bom resultado.

 

TER UM BOM CONTREOLE FINANCEIRO

Otimize seus recursos e evite desperdícios. Essencial para vida e para qualquer empreendimento!

 

Confira mais algumas dicas em como abrir o seu consultório e como atrair os seus primeiros pacientes para dar o primeiro passo para definir o seu futuro como um Médico Empreendedor!

 

Ah, e conta pra gente aqui nos comentários se você já pensou ou pretende empreender e o que acha desse cenário dentro da medicina e da sua especialização :)

 
comaprtilhar 3 0 0 942
CONTEÚDO EXCLUSIVO GRATUITO