Cirurgia Cardiovascular

00/00/0000 - Já se perguntou sobre os detalhes da especialização em Cirurgia Cardiovascular?! Ela pode ser perfeita para você! Leia a matéria para saber mais!

Específica e complexa, a especialidade em Cirurgia Cardiovascular é responsável por lidar diretamente com complicações congênitas ou adquirias nas artérias coronarianas, aorta e suas ramificações, as questões relacionadas à insuficiência cardíaca, além de transplantes cardíacos. 

Como uma tentativa de trazer mais médicos para essa especialidade, motivar o interesse e intensificar o aprendizado, a Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular modificou, em 2018, o processo de formação do profissional. Assim, foi retirado o pré-requisito de cursar dois anos de Cirurgia Geral e mantidos os quatro anos de especialização especificamente em Cirurgia Cardiovascular. 

PERFIL DO PROFISSIONAL:

Por ser responsável por um trabalho minucioso e difícil, o Cirurgião Cardiovascular é perfeccionista e atento a todos os detalhes. Sua habilidade manual é de dar inveja em qualquer um e seu bom humor está sempre em alta para realizar um bom trabalho e acalmar seu paciente, sem deixar de lado o profissionalismo e a ética

A média de idade desse profissional no mercado é de 52 anos e a cada 10 cirurgiões cardiovasculares, 9 são homens. 

PERFIL DO PACIENTE:

Os pacientes desta especialidade são, na maioria das vezes, adultos e idosos de ambos os sexos. Normalmente, estão apreensivos e sensíveis, pois podem passar por uma cirurgia de risco e precisam de todo o apoio da equipe médica para ficarem tranquilos e confiantes no resultado positivo do procedimento.

No caso daqueles que possuem uma patologia congênita, é importante lembrar da possibilidade de operar, também, crianças e jovens, que já nascem com alguma complicação cardiovascular. 

MERCADO E REMUNERAÇÃO:

As doenças cardiovasculares são a principal causa de mortalidade no Brasil desde a década de 60 e, atualmente, são realizadas aproximadamente 40 mil cirurgias cardíacas por ano no país.

Apesar dessa área representar um dos salários mais atrativos dentre as especializações médicas, podendo chegar em torno de 20 mil reais por 20 horas semanais, contamos atualmente com 2.423 Cirurgiões Cardiovasculares no Brasil, representando apenas 0,6% sobre o total de especialistas formados.

DISTRIBUIÇÃO REGIONAL:

Se olharmos para a distribuição regional dos profissionais, temos mais da metade da concentração dos cirurgiões cardíacos na região Sudeste do país - o que pode representar grandes oportunidades para aqueles que querem se aventurar nas capitais dos demais estados com menos concorrência. 

FUTURO DA ÁREA:

A Cirurgia Cardiovascular é uma das áreas que mais tem evoluído ultimamente e essa é a tendência para os próximos anos. Com as inovações tecnológicas como suas maiores aliadas, as possiblidades de intervenções cirúrgicas mais delicadas, precisas e menos invasivas são cada vez maiores.

Dentre as inovações mais recentes temos: 

Uso de stents bioabsorvíveis nas artérias e coronárias.

Salas de Cirurgia híbridas.

Intervenção cardíaca robótica.

SE INTERESSOU?!


Se você gostou desse panorama e acha que essa é a sua especialidade, confira agora quais são os próximos concursos de Residência Médica! Mas, se ainda estiver pensando em outras possibilidades dentro da Medicina, vem aqui no Guia do R1.

comaprtilhar 1 0 0 792
CONTEÚDO EXCLUSIVO GRATUITO